What If...? | Jeffrey Wright se emocionou ao ouvir Chadwick Boseman em episódio

Créditos da imagem: Reprodução

Séries e TV

Notícia

What If...? | Jeffrey Wright se emocionou ao ouvir Chadwick Boseman em episódio

Ator gravou participação como Pantera Negra na série da Marvel antes de morrer

Caio Coletti
29.07.2021
14h40
Atualizada em
02.08.2021
17h20
Atualizada em 02.08.2021 às 17h20

Jeffrey Wright contou como foi sua reação ao ouvir a voz de Chadwick Boseman em What If...?, série da Marvel que o ator deixou gravada antes de morrer, em agosto do ano passado. A série animada chega a partir de 11 de agosto ao Disney+, e terá um episódio que imagina T'Challa sendo acolhido pelos Ravagers e se juntando aos Guardiões da Galáxia.

"Eu fiquei emocionado ouvindo Chadwick dar voz a T'Challa na série. Eu o conheci quando ele foi anunciado como Pantera Negra, na Comic-Con, e nós nos encontrávamos de vez em quando para conversar. Foi incrível vê-lo crescer como ator, e interpretar este personagem com uma noção tão clara do que ele significava, tudo enquanto enfrentava desafios tão sérios", comentou Wright à Entertainment Weekly, se referindo ao câncer que Boseman tratou durante os últimos anos de sua vida.

"Para mim, ele [Chadwick] está no mesmo nível de heroísmo do Pantera Negra. Fazer parte de um pouquinho deste último trabalho dele é muito especial pra mim. Eu mal posso esperar para os fãs simplesmente poderem ouvi-lo", completou.

Em What If...?, Wright dá voz ao Vigia, um ser místico que nos ajudará a passear pelo multiverso, explorando versões alternativas dos acontecimentos do MCU até agora.

A.C. Bradley, de Caçadores de Trolls, serve como showrunner, roteirista e produtora. What If...?, conta ainda com Bryan Andrews, roteirista de animações como Star Wars: Clone Wars e Samurai Jack, na direção.

Omelete agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias da cultura pop (t.me/omelete).

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.