J.K. Rowling

Créditos da imagem: YouTube/Lumus/Reprodução

HQ/Livros

Notícia

J.K. Rowling processa assistente por roubo de colecionáveis de Harry Potter

Amanda Donaldson também teria usado cartão de crédito corporativo para despesas pessoais

Natália Bridi
07.11.2018
22h46
Atualizada em
07.11.2018
22h59
Atualizada em 07.11.2018 às 22h59

J.K. Rowling está processando Amanda Donaldson, sua ex-assistente, por uso indevido de cartão corporativo e roubo de objetos colecionáveis (via BBC). 

Segundo o processo, Donaldson deveria à criadora de Harry Potter cerca de £24 mil (cerca de R$ 117.590,00). Como controlava os pedidos de fãs por memorabilia, a assistente teria usado a sua posição para roubar um Hogwarts Express motorizado avaliado em £467,56 (R$ 2290,34), uma edição do box de Blu-ray de luxo Harry Potter Wizard Collection de £2231,76 (R$ 10.932,26) e uma edição de Os Contos de Beedle, o Bardo avaliada em £395 (R$ 1.934,90).

Donaldson nega todas as acusações.