Guardiões da Galáxia | Diretor de Jurassic World quase comandou filme

Créditos da imagem: Marvel Studios/Divulgação

Filmes

Notícia

Guardiões da Galáxia | Diretor de Jurassic World quase comandou filme

Colin Trevorrow rejeitou trabalho na Marvel

Nicolaos Garófalo
18.09.2019
19h46
Atualizada em
19.09.2019
15h22
Atualizada em 19.09.2019 às 15h22

Demitido de Star Wars: A Ascensão Skywalker quando o filme ainda nem tinha um título, Colin Treverrow por muito pouco não entrou em outra grande franquia de ficção científica. De acordo com o diretor de Jurassic World, ele chegou a conversar com a Marvel Studios para comandar o longa dos Guardiões da Galáxia, mas rejeitou o projeto.

De acordo com o cineasta, o fato de não ter crescido como fã de quadrinhos foi o que mais pesou na sua escolha, já que esse tipo de projeto requer um conhecimento mais pessoal do material original, algo que Trevorrow teve pouco contato na infância. Segundo o próprio, ele era “um fã de Star Wars, Indiana Jones e Spielberg”.

Você precisa respirar esse tipo de coisa como eu fazia com Jurassic Park”, completou.

Trevorrow dirigiu o primeiro Jurassic World, de 2015, e assinou com a Lucasfilm para comandar o Episódio IX, que será lançado em dezembro deste ano. Mas o fracasso crítico e comercial de seu filme O Livro de Henry, de 2017, e as chamadas “diferenças criativas” levaram o estúdio a demitir o cineasta, substituído por JJ Abrams.

O diretor voltou à franquia Jurassic World, com o curta Battle at Big Rock, lançado em 15 de setembro, e o já anunciado Jurassic World 3, que tem estreia prevista para 2021.