George Clooney em Batman e Robin (1997)

Créditos da imagem: Batman & Robin/Divulgação

Filmes

Notícia

George Clooney aconselhou Ben Affleck a não interpretar o Batman no cinema

Ator conta da sua experiência como o Homem-Morcego nas telonas

Arthur Eloi
13.05.2019
22h09

Nem todos os filmes do Batman são bons, e Batman & Robin (1997) é um exemplo disso - tanto que George Clooney, que interpretou o Homem-Morcego no longa, também não gostou da sua experiência ao ponto de desencorajar Ben Affleck de aceitar o mesmo papel anos depois.

Em entrevista ao Hollywood Reporter, o ator conta que os erros da produção lhe ensinaram muito sobre a indústria: "Arnold Schwarzenegger [o vilão no filme] recebeu algo em torno de US$25 milhões pelo seu papel, o que é 20 vezes mais do que eu recebi, e nem trabalhamos juntos! No fim das contas acabei levando toda a negatividade. Sendo honesto: eu não fui um bom Batman e não era um bom filme, mas aprendi com o fracasso que foi, tive que repensar como trabalhar porque já não era mais um ator em um papel, mas sim um dos responsáveis pelo filme."

Por fim, ele relembra de ter conversado com Affleck após tê-lo conhecido durante as gravações de Argo, filme de 2012 estrelado pelo ator e produzido por Clooney. Quando Affleck foi sondado para viver o novo Bruce Wayne das telas em Batman v. Superman, Clooney foi rápido: "Eu falei com ele, disse para não aceitar. Falei com base na minha experiência, mas ele se saiu muito bem."