Michael Rosenbaum, o Lex Luthor de Smallville, não estará no crossover da CW

Créditos da imagem: Smallville/Warner Bros. Television/Divulgação

Séries e TV

Notícia

Michael Rosenbaum, o Lex Luthor de Smallville, não estará no crossover da CW

Ator confirma proposta da Warner, mas detalha problemas na oferta

Julia Sabbaga
24.09.2019
15h11
Atualizada em
08.10.2019
17h31
Atualizada em 08.10.2019 às 17h31

Depois da confirmação de Tom Welling, o Clark Kent de Smallville, no crossover do Arrowverse na CW, especulações surgiram de que Michael Rosenbaum, que interpretou Lex Luthor na série, também estaria em Crise nas Infinitas Terras. Contrariando rumores, no entanto, o ator esclareceu no Twitter que não está envolvido, apesar de confirmar a oferta da Warner Bros.:

"Amigos, muitos de vocês me escreveram perguntando sobre minha participação no crossover de Crise nas Infinitas Terras. Eu mal posso expressar quanto isso significa para mim. Eu falarei sobre isso diretamente. A WB ligou para os meus agentes na sexta-feira à tarde, enquanto eu estava visitando meu avô em uma casa de repouso. Sua oferta: sem roteiro. Nenhuma ideia do que eu faria. Sem ideia de quando vão filmar. Basicamente nenhum dinheiro. E a pior parte: "temos que saber agora". Minha resposta simples foi "passo". Acho que vocês conseguem entender o motivo Espero que isso responda todas as suas perguntas. Com amor, Rosenbaum". 

Segundo a descrição da emissora, o especial mostrará o que aconteceu com Kent dez anos após a conclusão do seriado, mas vale lembrar que Welling não será o único Superman do especial: Tyler Hoechlin, o Superman do Arrowverse, retornará ao lado de Brandon Routh, que interpretou o Homem de Aço em Superman - O Retorno (2006). Routh viverá uma versão do Superman de O Reino do Amanhã, além de também viver Ray Palmer, seu personagem de Legends of Tomorrow.

O crossover Crise nas Infinitas Terras envolverá cinco séries da CW: Arrow, The FlashSupergirlBatwoman Legends Of Tomorrow. Os três primeiros episódios do especial serão exibidos em dezembro deste ano e a história se completa em janeiro, com a transmissão dos dois últimos.